22 de janeiro de 2007

Bebel vai de Chico a Cole Porter no terceiro CD

Produzido entre Rio de Janeiro, Nova York e Londres, o terceiro álbum internacional de Bebel Gilberto, Momento (capa à direita), tem lançamento programado para março. A produção foi dividida entre Guy Sigsworth (que já trabalhou com Björk), o grupo norte-americano Brazilian Girls e a própria cantora. Entre o repertório basicamente autoral, há releituras de músicas de Chico Buarque (Caçada, de 1972) e Cole Porter (Night and Day, 1932). A faixa Tranqüilo foi gravada com a Orquestra Imperial. O primeiro single é Bring Back the Love, já editado em EP no exterior com remixes e embalagem em vinil. Detalhe: Chico - vale lembrar - é tio de Bebel.

15 Comments:

Anonymous Afonso said...

até hoje não entendo como Bebel estourou lá fora... naõ vejo nada demais nela.

22 de janeiro de 2007 09:55  
Anonymous Anônimo said...

eu vejo...e gosto muito. bebel faz um som bem bacana. o repertório deste parece ok. aguardando.

22 de janeiro de 2007 10:59  
Anonymous Luc said...

Quando estou estressado, boto a Bebel Gilberto na vitrola. É mântrico, acalma.

22 de janeiro de 2007 12:08  
Anonymous Anônimo said...

Afonso, a Bebel tem as costas quente.
Não gosto nem deixo de gostar do trabalho dela.
Mas tem um disco que ela gravou aos 17 aninhos(junto com outro cantor) só com músicas do genial sambista Geraldo Pereira que é uma maravilha.
Há algum tempo esse cd saiu pela FUNARTE

José Henrique

22 de janeiro de 2007 15:23  
Anonymous Fernanda said...

Também não consigo enxegar essa estrela toda. O show no Canecão foi um porre, a dona é cheia de caras e bocas, voz que é bom, nada.
Mas como hoje em dia, qualquer um vira cantor...

22 de janeiro de 2007 15:45  
Anonymous Anônimo said...

As costas e a voz. A voz de Bebel tem um calorzinho gostoso que aquece sem esquentar demais. Linda!

22 de janeiro de 2007 15:55  
Anonymous eleonora said...

Bebel tem estilo, bom gosto musical e canta sem ferir nossos ouvidos e ao mesmo tempo sem se perder no "cool". Assisti a um show no Bourbon de SPaulo e achei bárbaro. Muito som rolou naquela noite. Da melhor qualidade.
A cara de SPaulo. A cara de NYork.

22 de janeiro de 2007 16:41  
Anonymous Anônimo said...

Os dois discos de bebel - Tanto Tempo e Bebel - são simplesmente impecáveis. Suas canções e suas interpretações são simples, inteligentes, modernas e acima de tudo lindas! De fato acho sacana dizer que Bebel faz sucesso pq tem costas quentes. Seu trabalho é reconhecido no mundo inteiro pq é feito com seriedade e principalmente pq reúne elementos vários, como bossa, samba e música eletrônica. Mas não em uma mera junção de estilos - como muitos o fazem - e, sim, com maturidade, bom gosto. Sua música é, sem excessos, sublime. Espero que seu terceiro disco seja tão belo quanto os anteriores. Anderson Falcão.

22 de janeiro de 2007 22:50  
Anonymous Anônimo said...

Tem costas quentes, tem voz suave, canta com suavidade, discos bem cuidados...tem tudo isso e mais. É bem vinda!!! Vamos deixar pra jogar tomates naqueles sertanejos insuportáveis e não em quem faz um som tão bacana, gente!!!!
Viva Bebel!!!

23 de janeiro de 2007 09:13  
Anonymous Anônimo said...

tem aplomb, charme, savoire-faire, estilo, é o máximo essa gatinha...e ainda quase canta; mais o quê???

23 de janeiro de 2007 11:29  
Anonymous neto said...

Como diria vovó: 'uns tem dita, outros caganita'.

Sucesso pra moça (que tem dita)!

23 de janeiro de 2007 17:06  
Anonymous Anônimo said...

PESSOAL, BEBEL GILBERTO ALÉM DE OTIMA CANTORA, E FILHA DE PEIXE: OS EXCELENTES JOAO GILBERTO E MIUCHA QUE HONRAM A NOSSA MPB. UMA PENA QUE DOS CDS DA BEBEL SAO MUITO CAROS. APRECIO DEMAIS A NOSSA BEBEL GILBERTO.

23 de janeiro de 2007 18:22  
Anonymous theodora said...

rs...rs...rs...Neto, a-d-o-r-e-i...com sua licença (ou melhor, de sua avó), vou passar a empregar.
Essa tem dita pra dar e vender. Além de tudo nasceu sobrinha do Chico, o maior de todos. Não posso dizer que seja apaixonada pela música de Bebel mas a ouço com o maior prazer e é sempre gostoso um Cd seu a mão, especialmente à noite, em casa, fazendo uma comidinha fast pra receber o gatinho.

23 de janeiro de 2007 19:48  
Anonymous Anônimo said...

Lá vem os pobres reclamando dos preços dos cds... Não tem, não compra. Baixa da internet ou compra pirata!! ô gente chata!!!

23 de janeiro de 2007 21:01  
Anonymous fernanda c said...

Palmas pra ela que conseguiu trilhar uma bela carreira la fora, pois aqui ninguem deu bola.
Tenho a maior admiraçao por ela. Viver de musica nesse País é um "balé"...e ela foi buscar oque lhe é de direito.

25 de janeiro de 2007 05:26  

Postar um comentário

<< Home